Atualizado em 16/12/2022 16:09 por Éter 7 News
Início Economia Começar a investir: dicas essenciais para te ajudar!

Começar a investir: dicas essenciais para te ajudar!

Muitas pessoas gostariam de começar a investir dinheiro – em ações, títulos ou talvez alavancar produtos e investimentos alternativos.



No entanto, elas muitas vezes não sabem muito a respeito do mercado de ações e todos os investimentos que vão além da conta corrente. Isso permite que elas escapem de grandes oportunidades de lucro.

Para ajudar você a entender como começar a investir, nós preparamos o artigo de hoje com algumas dicas. Ficou interessado em saber mais? Então acompanhe agora mesmo!

Como começar a investir?

Em primeiro lugar, para começar a investir você deve ter uma visão geral de suas finanças. Basicamente, você só deve investir dinheiro que você não precisa a longo prazo para a vida diária.


Porque no pior dos casos, seu dinheiro investido pode eventualmente desaparecer. Depois de determinar seu escopo financeiro, é importante descobrir que tipo de investimento você deseja para você.

Este ponto é muito importante para o investimento real. Só então você pode selecionar títulos e produtos financeiros que atendam ao seu tipo e necessidades.

Você deve estar ciente se prefere correr mais ou menos riscos, se os aspectos éticos do seu investimento podem ser importantes para você, etc.

Além disso, é importante considerar com antecedência, para que finalidade você realmente começa a investir em ações e por quanto tempo.

Você gostaria de ganhar uma parte da sua aposentadoria a longo prazo, promover a educação de seus filhos a médio prazo ou financiar uma viagem de sonho em poucos anos?

Todos esses fatores devem de fato ser analisados antes de começar a investir. Quando isso estiver estipulado, você pode entender mais sobre os investimentos que estão a seu alcance.

Onde começar a investir?

De fato, existem diversas formas de começar a investir. Entre as mais populares, estão:

  • Fundos de investimento
  • Mercado de ações
  • Tesouro direto

Para que você entenda rapidamente sobre cada um, eu vou explicar um pouco mais sobre eles logo abaixo:

O que são fundos de investimento e como eles funcionam?

Um fundo de investimento é quando você adquire uma cota e paga mensalidade para que haja uma administração do seu dinheiro.

Este fundo pode ser investido em ações, títulos (títulos do governo), imóveis, moedas, entre outros, é uma carteira de ativos.

O objetivo destes fundos de investimento geridos de forma ativa é ser melhor do que o mercado através de investimento inteligente e diversificação de ativos.

O que é o mercado de ações e como ele funciona?

No mercado de ações você poderá encontrar diversas empresas que possuem capital aberto que desejam vender parte do seu patrimônio na forma de ações.

Receba Notícias e Conteúdos Legais em nosso WhatsApp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.

Além do andar da própria empresa, muitos outros fatores influenciam as ações do mercado, como por exemplo, a economia no país onde a empresa é sediada.

Leia também:

A bolsa de valores é como uma feira, há milhares de ofertas de empresas para você adquirir, ou seja, você pode literalmente comprar um pedaço de uma empresa.

A valorização, depende de muitos fatores, como já citamos, contudo, principalmente o número de ações vendidas é que conta para o aumento da ação. Ou seja, quanto maior a procura, maior será o valor da oferta.

O que é o Tesouro Direto e como ele funciona?

O Tesouro Direto é uma forma de investimento em que você compra títulos públicos que são disponibilizados pelo próprio Governo Federal. Dessa forma, você “empresta” dinheiro para o país.

Para começar a investir no Tesouro Direto não é necessário muito. Apenas um computador com internet e uma conta em uma instituição financeira são necessários. Além disso, o valor mínimo para investimento é de 30 reais, dando acesso ao investimento para milhares de pessoa. Além disso, a grande vantagem associada ao Tesouro Direto é a grande rentabilidade e liquidez que o mesmo possui. Além de os riscos serem mais baixos que a maioria dos outros investimentos.

Siga-nos no Google News:

Relacionados:

Deixe um comentário