Covid e saúde bucal: entenda a relação

Mulher foto criado por wavebreakmedia_micro – br.freepik.com.

Siga-nos no Google News:

Atualizado em 09/06/2021 10:45 por Éter 7 News

A pandemia do Covid-19 assola o Brasil há mais de um ano e cuidados com a saúde continuam sendo necessários, não sendo diferente com a saúde bucal. Mas você sabe qual é a relação entre a Covid e saúde bucal?





Infelizmente, muitas pessoas acabam não se preocupando com essa parte, negligenciando os cuidados e dificultando ainda mais o organismo de ficar estável durante essa fase. Isso porque uma cavidade saudável reduz o risco de agravamento por conta da doença.

O que é Covid-19?

Desde o fim de 2019, essa doença vem se espalhando e crescendo cada vez mais. No início de 2020, foi declarada a pandemia, pois a doença atingiu um nível de contágio alto, chegando a basicamente todos os países do globo.

Essa é uma doença respiratória, que afeta diretamente o pulmão, especialmente em casos mais graves.

Para quem possui alguma comorbidade, ou seja, outras doenças ou problemas crônicos, a doença pode ser ainda mais letal. Para pessoas idosas, em que o organismo já está mais debilitado, essa lógica também se aplica.

A forma de contágio é a mesma que as outras doenças respiratórias, como gripes e resfriados: através do ar ou por contato com secreções e estruturas que estão contaminadas com os vírus. Isso pode ocorrer por conta de ações como:

  • Tosse;
  • Espirro;
  • Gotículas de saliva;
  • Contato e conversa próxima;
  • Aperto de mão.

Assim como o contágio é semelhante a doenças como as gripes, os sintomas da doença também podem ser, basicamente, bastante semelhantes como tosse, dor de garganta, febre, dor de cabeça, mal-estar, entre outros.

O grande problema da doença é quando ela evolui e atinge as vias respiratórias mais importantes, especialmente o pulmão, de forma mais grave.

Nesses casos de maior impacto, a doença compromete uma grande porcentagem do funcionamento do pulmão, o que dificulta a respiração, podendo causar, inclusive, o óbito.

Cuidados com a saúde bucal

Cuidar da saúde bucal é imprescindível, durante toda a vida.

Profissionais de convenio odontologico empresarial sempre compartilham informações e recomendações acerca dos cuidados com a saúde bucal, que são muito importantes para uma vida saudável, mantendo os dentes qualificados e evitando doenças bucais.

Os principais cuidados são com relação a higienização bucal. Práticas simples, mas que devem ser executadas rotineiramente, como escovar os dentes diversas vezes ao dia e utilizar fio dental após as escovações, são fundamentais.

Além disso, é normal que os dentistas de planos dentários, como um plano odontologico para MEI, passe algumas recomendações acerca de certos hábitos que devem ser evitados e outros que devem ser explorados de uma maneira mais ativa.

O tabagismo, por exemplo, atinge uma grande parte da população e é um hábito prejudicial para a saúde do organismo e, inclusive, para a saúde dos dentes, sendo fundamental evitar o vício para preservar os sistemas corporais.

Em contrapartida, consumir alimentos variados, que fazem bem para os dentes, são altamente recomendados por especialistas de odonto empresarial, fortalecendo também o corpo e a imunidade.

Relação da Covid-19 com a saúde bucal

Como dissemos, cuidar da saúde bucal é fundamental em todas as fases da vida. Entretanto, nesse momento, em que a doença continua se alastrando, manter a qualidade dos dentes, da gengiva e da boca, como um todo, se torna ainda mais importante.

Infelizmente, a doença afetou e segue afetando diretamente a saúde psicológica das pessoas, visto que, é um problema grave no mundo inteiro, e a cada dia que passa, mais famílias são afetadas, e as pessoas seguem perdendo entes queridos.

Dessa maneira, é natural que as pessoas tenham maiores dificuldades em se concentrar e pensar nos cuidados que devem ter com a saúde bucal e acabam negligenciando essas práticas.

Tal situação não pode ocorrer e, no caso de haver a necessidade de realizar algum procedimento ou consulta, é importante consultar o plano odontologico e as clínicas de confiança para garantir um atendimento mais seguro e de qualidade.

Afinal, a identificação precoce de qualquer problema é fundamental para evitar que as doenças bucais se agravem e atinjam outros sistemas, como o próprio pulmão.

Além disso, outro fator de relação entre a saúde bucal e o coronavírus são os problemas que podem surgir por conta de uma má higienização bucal nesse momento.

Quando os dentes e a boca estão mal cuidadas, diversas doenças bucais podem acometer a boca e, quando essas doenças não são tratadas da maneira adequada, ela pode afetar outras partes do corpo, debilitando ainda mais o organismo.

Como um dos principais motivos para o coronavírus se tornar grave é a debilitação do corpo, que não possui armas para combater a doença, é essencial evitar que problemas acometam o corpo e prejudiquem a imunidade das pessoas.

Mais ainda, com estudos sendo realizados sobre o Sars-Cov-2, identificou-se que pessoas que apresentam inflamações bucais e gengivais, como periodontites, correm mais riscos de complicações e manifestação da forma mais grave do covid.

Por isso, cuidar da saúde bucal, especialmente nesse momento, se tornou ainda mais essencial.

Isso pode ajudar a manter a qualidade dos dentes e da boca, evitando que doenças acometam essa região e se espalhem, além de possibilitar que o organismo se mantenha fortalecido para o combate ao covid, bem como para evitar seu acesso aos demais sistemas do corpo.

Por fim, é fundamental manter consultas regulares com dentistas do seu convenio odontologico, com os devidos cuidados, justamente para que eles deem o suporte necessário e identifiquem as necessidades quanto à cavidade.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Relacionados

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *